9 de December de 2021
Sem respostas

Conheça as principais posturas de yoga que aumentam a força!

Que a prática de Yoga traz inúmeros benefícios para nosso corpo e mente, todos nós já sabemos! Porém, o que muitos não sabem é que essa prática vai muito além de um exercício de relaxamento e meditação sendo também uma ótima opção para aqueles que buscam por mais força física e melhorias no condicionamento.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), por exemplo, o classifica como uma “ferramenta valiosa para melhorar o condicionamento físico e diminuir a ocorrência de doenças crônicas” sendo, por isso, uma alternativa inusitada para ajudar a melhorar o seu desempenho.

E se você hoje está interessado em saber quais posturas conseguem trazer mais força e desempenho e que, por isso, são ideais para trazer uma melhora no seu condicionamento, basta continuar a leitura deste artigo até o final.

No artigo de hoje vamos te mostrar as 3 principais posturas de Yoga para melhora na força, flexibilidade e condicionamento.

Vamos lá?

Índice

Yoga: ferramenta valiosa para melhorar o condicionamento físico

Como falamos na introdução do artigo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) classifica o Yoga como uma “ferramenta valiosa para melhorar o condicionamento físico e diminuir a ocorrência de doenças crônicas” sendo, por isso, uma alternativa inusitada para ajudar a melhorar o seu desempenho.

Hoje sabemos que a prática surgiu na Índia há cerca de cinco mil anos, com a proposta de integrar corpo, alma e emoções, ajudando na promoção do autoconhecimento e do autocuidado.

E embora seja um método milenar, a yoga e sua filosofia são atemporais e fazem muito sentido no mundo em que vivemos hoje. Sua prática regular pode reduzir o estresse e garantir mais concentração e resiliência para encarar os desafios do dia a dia, além de trazer inúmeros benefícios físicos, como aumento de força e flexibilidade.

Com a popularidade da modalidade, aulas de diversos estilos tomaram conta das academias e estúdios, assim como algumas dúvidas. Uma das questões muito comuns é se ela ajuda no ganho de força e flexibilidade. A resposta é sim, desde que o exercício seja aliado a uma boa alimentação, é óbvio.

No próximo tópico vamos te mostrar quais são as 3 principais posturas de yoga se o que você procura é ganho de força física e uma melhora no condicionamento.

Conheça agora

1. Halasana

A primeira postura de Yoga capaz de aumentar nossa força e flexibilidade é a Halasana, a postura do arado.

Nesta postura de Yoga, a coluna vertebral é mantida forte e alta em direção ao teto, enquanto as pernas abaixam acima da cabeça para criar uma forma semelhante a um arado.

Neste caso, para entendermos um pouco melhor do que se trata essa Asana, é interessante pensarmos que o arado é uma ferramenta que ajuda a amaciar à terra, fazendo com que a luz chegue ao subsolo. Dessa forma, e analogamente, entendemos que a Halasana pode nos ajudar a iluminar nossas profundezas.

Basicamente, este asana alonga os ombros, coluna e pernas. Também estimula a glândula tireoide e os órgãos digestivos, assim como reduz o estresse e a fadiga. Aqui é importante frisarmos que a postura do arado  é uma inversão forte, que requer estrutura muscular e traz bastante pressão na região cervical e torácica, por isso deve ser praticada sob as orientações de um instrutor qualificado.

Para a prática deste Asana, recomenda-se o uso de duas mantas dobradas debaixo do pescoço para dar amortecimento à região cervical. O recomendado é que você comece deitada com as pernas para o alto e braços ao lado do corpo.

Depois, foque um ponto acima da cabeça e leve as pernas separadas para trás, usando a força do abdômen e tirando as costas do solo, até uma das coxas ficar paralela ao chão.

Neste caso, se estiver difícil, use as mãos sob a lombar para dar impulso no início. Mantenha a postura por 30 segundos. Com o tempo, aumente a permanência.

2. Natarajasana

Pose capaz de desenvolver maior força e flexibilidade no corpo toda vez que você a pratica, a Natarajasana é uma postura curva profunda que requer grande força em toda a linha de frente do corpo. Isso porque nesta prática, a linha da frente do corpo se estende do quadríceps, através dos quadris, abdominais, tórax e até a frente da garganta.

Essa postura também pode estimular o fluxo sanguíneo no corpo, bem como aumentar seu nível de energia, pois você está trabalhando bastante nessa postura. Natarajasana também melhora sua concentração e foco à medida que aumenta o tempo na pose, você também aumenta a intensidade.

Para prática, o recomendado é que você inicie sentada, flexione os joelhos e segure os tornozelos. Logo em seguida, estenda e afaste as pernas formando um V. Depois disso, dê um impulso com o corpo para trás, “carimbando” o solo com as costas arredondadas, até as pernas ficarem paralelas ao chão, e volte, equilibrando-se na posição inicial. Repita mais duas vezes.

E aqui é importante deixarmos claro que apesar de ser fácil implementação, pessoas com problemas cardíacos ou pressão arterial baixa devem consultar um profissional médico antes de praticar esta pose.

Além disso, qualquer pessoa com lesões recentes ou recorrentes em qualquer parte das costas, joelho, tornozelo, instabilidade na articulação do quadril, deve ter cuidado ao praticar esta pose.

3. Postura do pombo

Por último, mas não menos importante, temos a postura do pombo (formalmente conhecida como Kapotasana em sânscrito) postura de yoga popular que alonga os quadris e a região lombar, mas que também é capaz de ajudar no ganho de força e condicionamento físico.

A prática regular desta postura do pombo oferece muitos benefícios se concentrando na abertura dos quadris, o que dá suporte à mobilidade e à flexibilidade dessa articulação. A postura do pombo também alonga os flexores do quadril e a região lombar, que geralmente ficam tensos devido ao sentar-se por muito tempo. O alongamento desses músculos regularmente pode aliviar uma leve dor lombar ou no quadril (1, 2, 3, 4).

Para começar a prática, você deve iniciar sentada, perna esquerda flexionada à frente e direita estendida para trás. Depois, com braços estendidos ao lado do corpo, com a ponta dos dedos no chão. Respire, alongando as costas e abrindo os ombros. Ao fazer isso, mantenha a postura por 30 segundos e repita, tentando aumentar o tempo de permanência.

Claro, assim como as posturas anteriores, apesar de fácil implementação, a postura do pombo pode não ser adequada para mulheres grávidas ou que têm dor crônica no quadril, joelho ou nas costas. Lembre-se sempre de falar com um profissional de saúde antes de tentar novos exercícios.

Conclusão

E aí? O que achou do artigo? Gostou das dicas e informações?

No artigo de hoje você pode conhecer algumas das principais posturas de yoga capazes de aumentar nossa força e flexibilidade. Como foi possível perceber durante a leitura do artigo, a prática do Yoga traz inúmeros benefícios para nossa saúde mental e física.

E como falamos no início do artigo, se você treina e deixa o Yoga de lado, não sabe o que está perdendo. Afinal, um corpo forte e alongado é o segredo para acertar a postura e afinar a silhueta.

Porém, para finalizar, é importante frisarmos que, embora possa ser uma ótima maneira de aumentar a força e alongar os músculos, é importante realizar o movimento corretamente para evitar lesões ou tensões.

Há muitas poses de yoga a serem praticadas por atletas comprometidos com a melhor performance. Neste caso, se você é iniciante na prática, é importante começar com o apoio de um instrutor especializado. Depois, quando pegar o jeito, poderá praticar todas estas no conforto de casa ou na academia, como parte da sua rotina de treinos.

Aproveite, curta e compartilhe a sua opinião.

Até a próxima!

Compartilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Posts Relacionados